O YOGA E SUA PRÁTICA

O YOGA E SUA PRÁTICA a Chintámani - Centro do Yoga de Coimbra

De: Chintámani - Centro do Yoga de Coimbra  11/22/2008
Palavras-chave Yoga, Meditação, Relaxamento

O YOGA tem como finalidades: desenvolver o Ser Humano em todas as suas facetas positivas, em todas as suas potencialidades, numa constante busca do melhor de si próprio e atingir a Suprema Consciência – SAMADHI ou Iluminação.
Contudo, para atingir estes ambiciosos objectivos, apostamos em primeiro lugar na saúde e bem estar total do Ser Humano. Esta primeira etapa é fácil de atingir com a prática das doze Disciplinas Técnicas que constituem o Sádhaná (prática) em cada aula combatendo fortemente o Stress, estimulando o Sistema Imunitário, estimulando o sistema hormonal e endócrino e proporcionando uma sensação de Bem-estar, Felicidade e Autoconfiança.

Cada aula é adaptada às possibilidades e potencialidades de cada praticante, mas procurando constantemente  ultrapassar os limites, de forma sensata e controlada.

As Disciplinas - Técnicas  praticadas em cada aula são:
DHYÁNA ou Meditação  pelo controlo da mente,dirigindo-a para o objecto de concentração. Nesta fase e para alunos iniciantes procuram-se dar Yantras ou temas de concentração, de modo a manter a atenção fixa, o maior tempo possível, no mesmo objecto. Mais tarde pode chegar até à perfeita apreensão do objecto, ao seu conhecimento e finalmente à fusão com ele, até que sujeito e objecto são um só. Os objectos de meditação variam em função do grau de adiantamento dos alunos, partindo do concreto (yantras) para o abstracto ( visualizando o elemento na sua ausência), ou utilizando sons ou ainda energias subtis.  

PRÁNÁYAMA – Exercícios respiratórios de influência energética e neuro-vegetativa, através dos quais se pretende a apropriação do Prána (bio-energia), o aumento de energia vital e uma adequada distribuição dessa energia no corpo, podendo dirigi-la, de acordo com a vontade ou a necessidade do praticante.  

ÁSANA - Posições psicobioficas. O conjunto de Àsanas de uma aula, são balanceados de modo a formar uma unidade, unidade esta que pretende dinamizar as energias  (subtis) do organismo humano de modo a fazer o seu perfeito aproveitamento nas fases subsequentes.  

YOGANIDRA ou relaxamento – tendo como objectivo  o relaxamento de todo o organismo e o aproveitamento das energias desencadeadas nas fases anteriores da  aula. O relaxamento deve ser completo, incidindo no físico, emocional e mental. Sempre consciente, estimula o sistema imunológico e provoca um repouso total do praticante .  

KRIYA  ou  actividade de purificação e tonificação das mucosas, através de “exercícios próprios”. Efectua-se  a purificação do sistema respiratório, do sistema digestivo e do globo ocular.  

MANTRA / KIRTANA – Vocalização de sons extroversores, com letra em Sanskrito e Músicalidade que proporcionam um ambiente positivo para a prática, sintonizando com a Multimilenar Família Filosófica do Yoga.  

JAPA - Sons concentradores, projectando para dentro e induzindo à concentração.  

BANDHA - Dinamizações musculares, permitindo controlar  e aprofundar o Pránáyáma e movimentar a energia no organismo, criando condições propícias à meditação.  

YANTRA - Símbolos concentradores de efeito psicosomático, normalmente usados para concentração.  

PUJÁ - Retribuição de energia, mental, através do qual  se procura a   sintonia com  o primeiro Mestre de Yoga  e se estabelece a via de dois sentidos: dar e receber.  

MUDRÁ - Gesto reflexológico e magnético, feito com as mãos, estimulando a milenar relação mão/ cérebro e cérebro/ mão, na qual a mão executa e o cérebro interpreta, criando uma atitude.  

MÁNASIKA - Mentalização e projecção da consciência, utilizando a energia de forma sábia.

A Directora do Centro do Yoga de Coimbra 
Alice Martins (Drª) Coimbra,
Telf 239 104 279

Palavras-chave Meditação, Relaxamento, Yoga

Contacto Chintámani - Centro do Yoga de Coimbra

Email

Imprimir está página

Partilhar