Gripe sazonal: A importância da vacinação

Gripe sazonal: A importância da vacinação a Lifeclinic - Health Care

De: Lifeclinic - Health Care  09/26/2013
Palavras-chave Enfermagem, Vacinação, Gripe Sazonal

Antecipar as alterações climatéricas e vacinar-se para a Gripe Sazonal é precaver-se. Em Portugal, a Gripe ocorre geralmente entre o Outono e a Primavera, sobretudo durante o Inverno. Para além das complicações que pode gerar, principalmente junto dos grupos de risco, esta infecção pode originar problemas mais graves (por ex. Pneumonia) e colocar a vida em risco. Nesta altura de grandes exigências lectivas, para o caso das crianças e jovens, e laborais, no caso dos adultos importa promover a saúde de todos e prevenir-se. A vacinação reduz o risco de infecção e atenua a gravidade da doença. O que é a Gripe? A Gripe Sazonal é uma doença contagiosa cuja transmissão é feita de pessoa para pessoa. Esta deve-se fundamentalmente a uma infecção no aparelho respiratório causada pelo vírus influenza (A, B e C). Uma vez que estes vírus sofrem constantes mutações existem diferentes estirpes, sendo que umas são mais contagiosas que outras, pelo que originam doenças com diferentes graus de gravidade. Quais são os principais sinais e sintomas da doença? Tome nota: Os principais sintomas da Gripe Sazonal são a febre, de inicio súbito, acompanhada de desconforto ou cansaço generalizado e dores musculares. Pode ainda ocorrer a perda de apetite, tosse seca, dores de cabeça, dificuldade em dormir, arrepios, espirros, corrimento nasal, nariz entupido, congestionamento dos olhos, garganta inflamada e dores nas articulações. Na maior parte dos casos, os sintomas são mais intensos 2 a 3 dias após a infecção sendo que se atenuam cerca de 1 semana depois. A tosse e o cansaço podem manter-se durante 2 a 3 semanas. Em latentes e crianças, a febre pode ser acompanhada de sonolência, apatia, ausência de reacções e fraqueza, perda de apetite e vómitos, enjoos, diarreia, dores de cabeça, de garganta e nas articulações. O que são grupos de risco no caso da Gripe Sazonal? Diz-se que uma pessoa pertence a um grupo de risco quando existe um perigo aumentado da existência de complicações devidas, neste caso, a uma infecção gripal. No caso da Gripe Sazonal os grupos de risco são: os idosos, as crianças pequenas e os doentes crónicos. Como posso ser infectado pelo vírus da Gripe Sazonal? Os vírus da Gripe são geralmente transmitidos através de gotículas de saliva expelidas por uma pessoa que se encontre infectada através da tosse e dos espirros. O contacto com mão contaminada também contribuiu para a disseminação da infecção. Normalmente, uma pessoa após ser infectada demora 1 a 3 dias a apresentar sintomas e pode transmitir a infecção um dia antes do inicio desses mesmos sintomas. Tanto as crianças como as pessoas com o sistema imunitário deprimido e por isso mais vulnerável, podem permanecer infectados durante um período mais alargado. Como me posso prevenir? A Gripe comum pode ser evitada através da vacinação anual. A vacinação reduz muito o risco de infecção e se, uma pessoa vacinada for infectada, a gravidade da doença é menor e os sintomas são mais atenuados. Importa ainda diminuir os contactos com pessoas infectadas, apostar nas boas práticas de higiene e a manutenção das boas defesas do organismo conseguidas através da manutenção de um estilo de vida saudável (nutrição, exercício físico regular, descanso, vestuário adequado, etc.). Quem é que deve ser vacinado? A vacinação anual deve ser efectuada por todas as pessoas, sobretudo pelos grupos com risco de maior complicação, nomeadamente idosos e crianças com mais de 6 meses de idade que sofram de doenças crónicas dos pulmões, do coração, dos rins ou fígado, diabetes ou outras doenças que diminuem a resistência a infecções. Quando é que me devo vacinar? A vacinação deve ser realizada preferencialmente em Outubro embora possa ser aplicada durante todo o Outono e Inverno.

Palavras-chave Enfermagem, Gripe Sazonal, Vacinação,

Outras notícias e actualizações de Lifeclinic - Health Care

Pediatria: Consulta de Preparação para a Entrada na Escola na Lifeclinic® a Lifeclinic - Health Care rodapé
08/12/2015

Pediatria: Consulta de Preparação para a Entrada na Escola na Lifeclinic®

Na Lifeclinic® a consulta de saúde infantil é realizada sob marcação pelo dr. Sandro Buccimazza (Pediatra) entre 1 de Agosto e 31 de Outubro de 2015 e custará apenas 35,00€ (para clientes particulares)! mais por si.


Consulta de Enfermagem de Estomaterapia a Lifeclinic - Health Care rodapé
05/05/2014

Consulta de Enfermagem de Estomaterapia

Com um horário abrangente, a Lifeclinic® disponibiliza aos seus clientes, uma consulta de enfermagem dirigida a todas as pessoas intervencionadas cirurgicamente, cuja cirurgia resulte numa Ostomia. Saiba mais pelo 211914322.


Fisioterapia: Na Lifeclinic® criámos programas de reabilitação ortopédica a Lifeclinic - Health Care rodapé
02/12/2014

Fisioterapia: Na Lifeclinic® criámos programas de reabilitação ortopédica

Na Lifeclinic® os planos de reabilitação física são personalizados, realizados mediante uma avaliação rigorosa e detalhada, em colaboração, quer com os doentes, quer com as suas famílias.


A sua clínica de Saúde e Bem-estar em Cascais é também um posto de colheita para análises clínicas a Lifeclinic - Health Care rodapé
11/07/2013

A sua clínica de Saúde e Bem-estar em Cascais é também um posto de colheita para análises clínicas

DOMICÍLIOS | URGÊNCIAS | ACORDOS Lifeclinic® - health care. mais por si.


A Enfermagem na Lifeclinic® tem um horário abrangente a Lifeclinic - Health Care rodapé
10/23/2013

A Enfermagem na Lifeclinic® tem um horário abrangente

Lifeclinic®: Clínica de saúde e bem-estar em Cascais com atendimento personalizado num horário abrangente


A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC) a Lifeclinic - Health Care rodapé
10/17/2013

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC)

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica é uma doença prevenível e tratável, com efeitos extrapulmonares significativos que podem contribuir para a gravidade da doença. Esta patologia, cuja evolução é indolor, tem como principal factor de risco o fumo do tabaco e encontra-se frequentemente subdiagnosticada.


Neurologista da Lifeclinic® é Coordenador da Primeira Pós-Graduação em Acidente Vascular Cerebral a Lifeclinic - Health Care rodapé
09/26/2013

Neurologista da Lifeclinic® é Coordenador da Primeira Pós-Graduação em Acidente Vascular Cerebral

Numa altura em que as doenças cerebrovasculares continuam a representar a primeira causa de morte e incapacidade em Portugal, Alexandre Amaral e Silva pretende disponibilizar um programa de formação completo em doenças vasculares cerebrais, contribuir para a formação de profissionais de saúde especializados e capacitados para a integração em equipas multidisciplinares dedicadas.