Alarmes de Incêndio

Alarmes de Incêndio a Vigiarte Sistemas de Segurança Electrónica

De: Vigiarte Sistemas de Segurança Electrónica  05/03/2010
Palavras-chave Alarmes, Segurança Electrónica

 

O novo REGULAMENTO GERAL DE SEGURANÇA CONTRA INCENDIOS obriga a que todos os edifícios existentes à data de publicação do Decreto-lei 220/2008 de 12 de Novembro, nomeadamente: comércio, industria, serviços, templos, unidades de saúde, estabelecimentos de ensino, parques de estacionamento, escritórios, edifícios habitacionais, lares, infantários, tempos livres, salas de espectáculos, cemitérios, hotéis restaurantes, gares de transporte, locais desportivos e de lazer, museus e galerias de arte, bibliotecas e arquivos, oficinas e armazéns; implementem medidas de auto-protecção em função da caracterização dos níveis de risco das instalações.

Os citados diplomas legais fornecem as seguintes orientações:

As medidas de Auto-protecção devem de ser comunicadas à ANPC até à data de 31 de Dezembro de 2009,

- As instituições com Plano de Prevenção/Emergência aprovado tinham 1 ano para adaptar à nova legislação (até 1 de Janeiro de 2010).

- As que ainda não têm qualquer documento elaborado devem fazê-lo, tendo em consideração que a partir do dia 1 de Janeiro de 2010 se iniciou a actividade fiscalizadora por parte da ANPC (Autoridade Nacional para a Protecção Civil), ASAE (Autoridade de Segurança Alimentar e Económica) e ACT (Autoridade para as Condições do Trabalho).

- As coimas aplicadas podem atingir 44 000€

Palavras-chave Alarmes, Segurança Electrónica

Contacto Vigiarte Sistemas de Segurança Electrónica

Website - não disponível ou em actualização

Email

Imprimir está página

Partilhar